terça-feira, 20 de julho de 2010

GELÉIA DE HORTELÃ-PIMENTA COM DAMASCO

Invenções de cozinha nascem sempre que os ingredientes e a inspiração chegam. E de posse das primeiras folhas da minha "horta vaso", já estavam namorando as folhinhas em crescimento para fazer esta geléia. Com damascos, porque não, afinal são ingredientes fortes, marcantes. Adoro hortelã pimenta, hortelazão, temperão, tem algum nome mais que se dá a esta folha de cheiro intenso, marcante, que perfuma nosso tempero de sal e alho e fica uma delícia em carnes e aves. E de acordo com os costumes de Minas Gerais, aqui neste norte, transforma-se em um xarope maravilhoso contra a tosse. Fiz esta geléia para acompanhar carne de porco assada. Quem provou gostou muito. Comi com uma torrada e uma fina fatia de salmão, adorei. E claro, maravilhosa com carne de carneiro, hum...
Experimente, faça suas degustações e inove .
12 folhas de hortelã-pimenta
1/2 xícara (chá) de açucar
1 1/2 xícara (chá) de água
04 damascos
gotas de pimenta
4 fatias de gari shoga (gengibre em conserva) veja Link: Segredos de uma Chef (se não tiver um gari shoga pronto, rale um pouco de gengibre)
sal a gosto (eu coloquei um sachê de tempero em pó pronto)
3 gotas de corante vegetal verde (este é opcional, é para intensificar a cor verde)
Lave as folhas de hortelã-pimenta,
coloque em uma panela. Junte o açucar.
O fogo deve ser baixo, o açucar vai
derreter e começar a caramelar.
Adicione a água e os damascos.
Depois o gari shoga e o caldo de pimenta.
Tempere a gosto. deixe ferver.
Quando os damascos estiverem macios,
desligue o fogo, deixe esfriar e bata no liquidificador.
Volte ao fogo e acrescente o corante vegetal verde.
Deixe ferver até engrossar como uma geléia.
Coloquei 2 folhas de hortelã limpas e secas em um
vidro também limpo, seco e passei álcool.
Esfriar. Tampe e conserve em geladeira.
A minha já tem 15 dias e está perfeita.
CURIOSIDADES SOBRE HORTELÃ-PIMENTA
O mais usado dos óleos essenciais aromáticos tem presença marcante e evidente em toda sorte de alimentos e outros produtos, entre os quais bebidas, sorvetes, molhos, gelatinas, licores, remédios, preparados odontológicos, preparados aromaterapêuticos, detergentes, cosméticos, tabaco, sobremesas e gomas.
O aroma da hortelã-pimenta: a hortelã-pimenta tem um aroma forte, mentolado, fresco, com um toque de cânfora bastante distintivo. O licor é uma delícia!!!
A infusão, chá de hortelã é a bebida refrescante mais popular no Norte de África: faz parte do ritual de hospitalidade e da vida diária dos mauritanos, pelo menos, três copos por dia.
Usos da hortelã-pimenta: a hortelã-pimenta ajuda na digestão de alimentos pesados e alivia a flatulência e cólicas estomacais, relaxando os músculos digestivos de modo que a operem com mais eficiência.

2 comentários:

katia disse...

Adoreiiiiiiiiii!!!!! Vou fazê-la e me deliciar....

Sandra.AP disse...

E verdade que a hortelã-
pimenta atrapalha os rins.

IMPRIMIR ESTA RECEITA